Gabriela García

 

Jornalista e contadora de histórias. Suas crônicas, perfis e reportagens têm sido publicados em diversos meios de comunicação do Chile como os jornais La Nación Domingo e La Tercera, as revistas Paula, Qué Pasa e PAT, e o suplemento El Semanal.

Nos últimos anos, tem sido a repórter chilena em estar dentro dos 10 cronistas selecionados para o Prêmio Gabriel García Márquez que é entregue anualmente pela Fundação Novo Jornalismo Ibero-Americano na categoria Reportagem. Também foi finalista do Prêmio Jornalismo de Excelência entregue pela Universidade Alberto Hurtado, o Prêmio “Pobre el que no cambia de mirada” e o Prêmio Nacional de Revistas, MAG’s.

Em 2013, além disso, foi selecionada pela Fundação Novo Jornalismo para participar no workshop de Reportagens ditado pelo jornalista de The New Yorker, Jon Lee Anderson, no Rio de Janeiro. Atualmente Gabriela é jornalista freelance e escreve para as revistas El Mercurio. Paralelamente co-realiza o documentário “El final de una Nación”, sobre o fechamento do jornal La Nación ocorrido em 2010 e é uma das autoras de um livro que se cozinha a fogo brando chamado  “11 golpes”, que conta 11 histórias de crianças que foram  torturadas durante a ditadura chilena.