Ignacio Fernández Bayo

Ignacio Fernandez Bayo

.

Nasceu em Madri no dia 15 de agosto de 1953. Estudou jornalismo (UCM), Geografia e História (UNED), especializando-se em Geografia (UAM).

Desde 1980 que se dedica ao jornalismo científico e ambiental. Foi redator-chefe da revista Ciencia y Pensamiento (1980-1983); colaborou amplamente em diversos meios de comunicação, como as revistas Conocer (1983-1989) e Muy Interesante (1996-2003) e o diário El País (1985-2004). Foi responsável pela área de ciência do semanário El Globo (1987-1988), redator do periódico El Nuevo de la Ciencia y la Tecnología (1988-1989), coordenador de ciência, saúde e meio ambiente do Diario 16 (1989-1995) e do Manifesto (1997-1998).

Em 2000 criou a empresa Divulga, dirigida por ele e dedicada à investigação científica através dos meios impressos e sites, exposições, meios audiovisuais, livros e anuários, e da organização de eventos e cursos.

Publicou mais de 3.500 artigos em 50 órgãos de comunicação escrita, participou de meia centena de programas de rádio e televisão e foi palestrante em mais de duzentas conferências. É autor e co-autor de 20 livros, 15 exposições e 18 documentários e colaborou em 70 livros didáticos do segundo grau. É coordenador da revista Alfa.

É vice-presidente da Asociación Española de Comunicación Científica. Recebeu o Prêmio de Jornalismo Científico do CSIC (1989) e a medalha de prata desse mesmo órgão, do Medio Ambiente del Ayuntamiento de Madrid (1993), o Enresa de Jornalismo (1994), o Prisma Casa de las Ciencias de Divulgación (1996) e a de Divulgação científica da Fecyt no departamento audiovisual (2011